Tua ausência cala o mundo.
Só há silêncio debruçado nos caminhos. Nenhuma música, buzina ou voz.
Não há flores, gargalhadas, trovões ou gritos. Apenas relâmpagos imaturos que acendem um céu sem lua, sem estrelas, sem chuvas ou qualquer coisa que me tire a atenção da tua falta.
Tua ausência cala o mundo, o mar, os ventos.
Tua ausência desaba silenciosamente sobre meus dias.
Tua ausência é essa substância densa.
Tua ausência é tão presente que é pessoa... e me abraça...


Meu filho, sem você sou apenas metade de mim.

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Dia + 83: Inimigo detectado!!!!

A-D-E-N-O-V-Í-R-U-S! Esse é o nome do bichinho que está causando toda esta febre no Felipe a mais de um mês.
Na quinta-feira passada o fisioterapeuta pulmonar havia feito uma aspiração no Fê e saiu muita secreção. Esta secreção foi enviada ao laboratório e ontem saiu o resultado: Adenovírus + Rhinovírus (sim, esse último permanece nele).
Agora, tudo ficou bastante claro, porque este adenovírus, apesar de não ser o pior de todos, é um vírus preocupante pois é extremamente resistente e causa pneumonia, se não tratado. Ainda, ele costuma permanecer mais de um mês no organismo das pessoas e causa muita febre. Sabe quando as pessoas dizem que tem uma gripe que não sara? Pois é, é causada por esse vírus.
Alívio é o nome que sentimos agora, pois finalmente sabemos contra quem estamos lutando e também por ter a certeza de que o pior já passou. Só temos de ter paciência agora pois este vírus causa muita secreção, o que aumenta muito a chance de agravar para uma pneumonia. O mistério era porque o rhinovírus não causaria  toda essa febre, mas este adenovírus causa.
Até o semblante dos médicos mudou, pois o mais angustiante era não saber o que o Fê tinha. Que agonia!
Hoje a Dra. Adriana foi examiná-lo de manhã e disse que o pulmão está bem melhor mais ainda há secreção parada, o que nos deixa em alerta.
Outra coisinha que apareceu foi uma herpes na boquinha dele, que já está sendo tratada.
Ontem no início da noite ele teve uma febrinha que baixou logo e agora permanece sem febre. Está bem mais disposto mas louco para ir para casa. Diz o tempo todo: " O tao mamãe, o tao". É o carro, ele querendo dizer que quer ir embora, rsrsrsr.
A Dra. Carmem nos disse para termos paciência agora, até que o vírus complete seu ciclo e vá cantar em outra freguesia! Saia desse corpinho lindo que não te pertence!
Vamos que vamos, rumo à recuperação total e à volta pra casa em grande estilo!
Beijos aliviados, pacientes e otimistas.

9 comentários:

  1. Oi Ana! Estudei direito com você, não sei se você se recorda! Meu filho teve adenovírus quando tinha 1 ano e cinco meses e sofre muito! O estranho é que o adenovírus se instalou na córnea, o que poderia cegar o meu filho, pois, os médicos disseram que o vírus cria uma membrana que se infiltra dentro da córnea e pode deixar cicatrizes profundas! Mas até descobrirmos esse adenovírus (todos os oftalmos diziam que era uma conjuntivite), levamos 3 semanas, até o olho do meu filho começar a sangrar. Ficamos desesperados, e um abençoado médico descobriu esse adenovírus! Meu filho passou por duas cirurgias com anestesia geral para a retirada das membranas que o adenovírus causa e ficou muito bem! Êta vírus danado! Então, se você puder pedir que um oftalmo avalie seu filho eu recomendo, ok? No mais só desejo que o Felipe se recupere e volte logo para casa com você e toda a sua família! Beijos de quem está na torcida por dias melhores!!!!

    ResponderExcluir
  2. Esqueci de falar que o meu nome é Melissa Corrêa Bastos, rsrsrsrs!

    ResponderExcluir
  3. Andressa Bittencourt2 de agosto de 2011 14:33

    Ai que bom amiga, fico muito feliz com a notícia!! Bjao e saudades!!

    ResponderExcluir
  4. Glória a Deus, com o inimigo detectado a luta sera justa e tenho certeza que o Fefe saira vencedor deste terrivel vírus.

    Bjos,

    Cléa, Chris, Nathan e Gigi.

    ResponderExcluir
  5. Oi Mê! Claro que eu lembro de você, inclusive fizemos estágio praticamente juntas no presídio do Ahú, eu fazia na Assessoria Jurídica dos Presídios (bons tempos, aliás). Então, quanto ao vírus, te agradeço pelo depoimento. Os médicos realmente nos informaram sobre todas as complicações que o adenovírus poderia causar. Mas, desde o início do transplante temos evitado pensar no pior. Inclusive, quando o internamos para o transplante tivemos de assinar quase uma apostila onde estavam escritas todas as complicações que ele poderia ter, todas as reações às medicações que ele usou. E resolvemos esquecer de todas, porque senão a gente surta e nem submeteria ele ao transplante. Estamos bem atentos aos sinais porque de fato esse vírus é perigoso. Mas, com a graça de Deus, nada acontecerá! Beijo enorme e bom te reencontrar no Face!

    ResponderExcluir
  6. Maravilha!!!!
    Deus é misericordioso e seus ouvidos estao atentos as nossas oracoes! e ouvira as nossas em relacao a vida do Felipe.
    beijo e Deus abencoe esta familia!

    ResponderExcluir
  7. amada ...ele esta melhorando sim....e cade minha foto com ele no dia que ele nao brigou comigo e deixou eu dar comidinha para ele ? hehehehehehehe...estamos juntos nesta batalha ...Dra Rebeca

    ResponderExcluir
  8. Dra. querida! Sorry... coloquei hoje!!! Beijo enorme pra vc!

    ResponderExcluir